Folha de S.Paulo

Reclamações contra serviço público crescem 65% de janeiro a outubro


As reclamações contra órgãos e funcionários públicos explodiram entre janeiro e outubro deste ano. A Ouvidoria-Geral da União, ligada ao Ministério da Transparência, registrou aumento de 65% nas manifestações, que passaram de 4.500 no período.

RANKING
No primeiro lugar das reclamações e denúncias está a falta de transparência em órgãos públicos. Depois aparecem: atendimento prestado por funcionários públicos, burocracia e corrupção.

NA VITRINE
Já a Ouvidoria-Geral, que credita parte do aumento à intensificação de campanhas para divulgá-la, teve boa avaliação. Do total de pessoas que a procuraram, 66% se disseram satisfeitas com o atendimento.

ABISMO
São fortes os rumores de que Wilson Carlos, ex-braço direito de Sérgio Cabral e preso na mesma operação que deteve o ex-governador do Rio de Janeiro, pode fazer delação premiada. Os dois são amigos de infância.

FILME QUEIMADO
O procurador regional eleitoral em São Paulo, Luiz Carlos dos Santos Gonçalves, vai processar o site O Antagonista por ter usado equivocadamente a foto dele numa notícia sobre a prisão de um homônimo suspeito de ligação com o PCC. O texto se referia ao vice-presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana, Luiz Carlos dos Santos, mas a foto publicada na terça (22) era a do procurador.

FILME 2
Gonçalves diz que a imagem ficou no ar por algumas horas e foi apagada após alertas de leitores. "Mas o estrago já estava feito. A foto foi compartilhada em sites e redes sociais. Foi uma enxurrada de comentários de ódio. Uma pessoa escreveu: 'Vamos marcar bem o rosto desse cara'. O prejuízo é incalculável." Ele diz que vai pedir na Justiça retratação e indenização por danos morais. O site, que tem entre seus editores o jornalista Mario Sabino, não comenta.

OLHO NA FRAUDE
Celso Russomanno (PRB) volta ao ar na Record nesta sexta (25) falando de Black Friday. As promoções fraudulentas serão o tema do quadro do deputado federal no programa "Hoje em Dia", o "Patrulha do Consumidor". O candidato derrotado a prefeito de SP também está fazendo gravações para retomar a participação no "Cidade Alerta", na mesma emissora.

EM CAMPO
Monica Serra participou de reunião realizada por Bia Doria, futura primeira-dama da capital, com associações de mulheres e de bairros, na semana passada. O encontro, para discutir creches, foi no escritório da psicanalista Maria Cecília Parasmo, nos Jardins. A ex-primeira dama do Estado, que coordenou o Fundo Social de Solidariedade de 2007 a 2010, no governo José Serra (PSDB), disse que quer dividir sua experiência com a mulher de Doria e "facilitar o caminho" para ela.

OUTRO LADO
José Serra não apoiou Doria para prefeito, embora os dois sejam do mesmo partido.

ALINHADA
Bia reiterou na reunião os planos do marido para a área. Ele quer ampliar os convênios com organizações sociais e fazer parcerias com empresas para administrar as creches. Construir novas unidades não será prioridade. A assessoria do tucano diz que a primeira-dama "será sempre solidária aos projetos sociais da cidade, mas não terá cargo executivo em nenhum deles. Continuará dedicada aos filhos e à carreira de artista plástica".

VEM COMIGO
Wagner Moura convidou o ator Fábio Assunção para participar neste sábado (26) da leitura do texto teatral "Tchau, Querida", de Ana Maria Gonçalves, na Balada Literária. Além de estar no elenco, Wagner também fará a direção da leitura da peça. O texto fala de questões políticas e sociais. O título é uma referência à frase de Lula a Dilma num telefonema, em março.

O QUE SE VÊ POR AÍ
A O2 Play, distribuidora da O2 Filmes, vai divulgar na Comic Con Experience, em SP, prévias dos filmes que serão lançados em 2017. Entre eles, estão um documentário sobre a banda de rock Sepultura e "A Repartição do Tempo", uma comédia inspirada em histórias em quadrinhos que relata uma viagem no tempo de funcionários públicos.

FESTA DO AFETO
Com homenagem ao escritor Caio Fernando Abreu (1948-1996), a 11ª Balada Literária foi aberta na quarta (23) com o show "Em Tercina", com as irmãs Alzira E e Tetê Espíndola e a participação de Ney Matogrosso. O ator Wagner Moura e o escritor Marcelino Freire foram ao evento, no Auditório Ibirapuera.

BALANÇO DO DIREITO
O Movimento de Defesa da Advocacia (MDA) realizou na terça (22) seu jantar de fim de ano no restaurante A Figueira Rubaiyat. O presidente da Associação de Advogados de São Paulo, Leonardo Sica, e os advogados Augusto de Arruda Botelho, Aldo de Cresci e Marcelo Knopfelmacher participaram do evento. O presidente do Instituto de Defesa do Direito de Defesa, Fábio Tofic Simantob, também esteve por lá.

A 3ª edição do InLoco Lar Galeria é neste fim de semana (26 e 27), numa casa na Vila Madalena, com exposições, shows e venda de obras de arte.

É nesta sexta (25) a 2ª edição do Prêmio Ecoera, idealizado por Chiara Gadaleta, na Casa Vogue Experience.

O cientista político Heni Ozi Cukier fala sobre a vitória de Donald Trump, nesta sexta (25), na Casa do Saber, às 20h.

Com JOELMIR TAVARES, LETÍCIA MORI e DIEGO ZERBATO.