Folha de S.Paulo

Confira como instalar o programa do Imposto de Renda 2017


A Receita Federal liberou nesta quinta-feira (23) o programa para o contribuinte declarar o Imposto de Renda 2017.

A Receita esclareceu que todos os contribuintes terão que baixar o programa deste ano.

Não será possível atualizar a versão do ano passado que já está instalada no computador.

As atualizações automáticas, divulgadas nesta quinta, referem-se às mudanças e correções que o órgão pode fazer ao longo do período de preenchimento da declaração, que serão incluídas automaticamente no sistema instalado pelo contribuinte.

A novidade é que, neste ano, não será preciso baixar um segundo programa para enviar a declaração à Receita. Até o ano passado, o contribuinte tinha que usar dois softwares diferentes, um para preenchimento e outro para envio da declaração. A opção para o envio já faz parte do programa de preenchimento da declaração deste ano.

"O contribuinte não precisa se preocupar em baixar mais um programa. Isso é excelente", avalia a consultora especialista em tributos da SageIOB, Andréa Nicolini.

A especialista explica que as fichas de rendimentos isentos e exclusivos mudaram um pouco e ganharam uma nova aba na versão deste ano. Por isso, vão exigir mais atenção do contribuinte. Mas, no geral, o programa continua muito parecido.

Neste ano, não é necessário instalar dois programas diferentes para preencher e para enviar a declaração

O contribuinte só precisa instalar um único programa

O Receitanet, que era usado para enviar a declaração até o ano passado, não existe mais

Clique no banner no centro da página que diz "IRPF 2017" e, depois, em "Download do Programa"

Escolha a opção do programa adequada para o seu computador e depois clique em "Programa IRPF 2017". Um arquivo de instalação será baixado

Clique no arquivo que foi baixado e uma janela será aberta; selecione a opção "Executar" para iniciar a instalação

O programa irá indicar os próximos passos e será instalado no computador.

A entrega da declaração começa no dia 2 de março

O contribuinte já pode instalar o programa e deixar a declaração pronta para o envio

Quanto antes enviar a declaração, mais cedo deverá receber sua restituição

O prazo para a entrega acaba no dia 28 de abril

O empregador tem até a próxima segunda-feira, dia 27, para enviar o informe de rendimentos do ano passado para o trabalhador

Os aposentados e pensionistas do INSS já podem consultar o demonstrativo de rendimentos de 2016 no site do órgão

PAGAMENTO DOS LOTES DE RESTITUIÇÃO

1º - 16/6

2º - 17/7

3º - 15/8

4º - 15/9

5º - 16/10

6º - 16/11

7º - 15/11