• Colunistas

    Monday, 18-Dec-2017 08:53:32 BRST
    Sandro Macedo

    A zona do real

    12/06/2016 02h00

    Viajar para a Europa no atual cenário (leia-se: câmbio) é dureza. Na verdade, dureza mesmo é como você fica na volta, principalmente se tentou tomar umas cervejas na zona do euro -o custo-benefício do vinho é bem melhor, mas sou teimoso.

    A realidade na volta também foi sofrível. O preço daqui está digno dos melhores balneários da Riviera Francesa. O abuso da vez vem do aprazível Mestiço. Antes de viajar tomei lá uma Guinness por R$ 35. Nem em Mônaco ou Cannes paguei isso -tomei uma pint por € 6 (algo em torno de R$ 25).

    De volta a São Paulo, liguei para o Mestiço para confirmar o preço e... surpresa: aumentou, agora é R$ 40. "Tudo aumentou, né?", disse o funcionário, meio sem graça.

    Sim, existem long necks importadas por R$ 60, R$ 80 ou até mais. Mas são exemplares raros, com ingredientes exclusivos, sazonais ou algo que o valha. Uma Guinness a R$ 40 merece um impeachment.

    Um bom exemplo veio da Beach Burger, na al. Lorena. A hamburgueria tem um cardápio simpático de cerveja, cerca de 20 rótulos. Porém, para não deixar o valor muito alto para o consumidor, a casa momentaneamente deixou de importar e tem apenas artesanais brasileiras. Solução tão boa que poderia ser definitiva.

    Em Curitiba...

    Terminou no sábado a South Beer Cup, a Libertadores das artesanais, realizada neste ano no Paraná. Esta coluna foi representada pela colega designer-sommèliere Suellen Tobler. As campeãs saíram após o fechamento da sãopaulo, mas você pode ver o resultado na versão on-line. Na próxima coluna, falaremos um pouco mais de algumas delas.

    *

    Divulgação
     Coluna "Cervejas" de Sandro Macedo na edição #293 da revista sãopaulo (foto Divulgação)

    CORLEONE
    Da mineira Backer, a mesma da Três Lobos, essa faz parte da linha Las Mafiosas; uma imperial red ale, avermelhada, que reúne cinco tipos de lúpulo, bem aromática
    Teor alcoólico 7,7%
    R$ 25 (355 Ml), na Beach Burger (2628-7511)

    VOLCANO
    Uma stout da paulista Blondine com pouca formatação de espuma e grãos de café 100% arábica, quase um café gelado... com álcool. Ótima opção para esse friozinho
    Teor alcoólico 7,5%
    R$ 22 (310 ml), na Cervejoteca (5084-6047)

    sandro macedo

    Cervejas

    sandro macedo

    Jornalista, foi editor do 'F5', da 'Folha Corrida' e repórter de bares do 'Guia Folha'. Escreve aos domingos.

    Edição impressa

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2017