• Colunistas

    Monday, 23-Oct-2017 04:14:07 BRST
    Sandro Macedo

    Cervejaria Tupiniquim lança linha de que vale como sobremesa

    17/09/2017 02h00

    Vamos deixar de lado nesta semana as cervejas lupuladas, preferência de nove entre dez microcervejarias, que apostam em rótulos que acentuam aroma e amargor, atribuídos ao lúpulo. Desta vez destacaremos cervejas mais maltadas, nas quais o dulçor também é valorizado.

    Harmonizar cervejas com sobremesas não é algo tão incomum. A combinação mais óbvia é a de um doce à base de chocolate, como um petit gâteau ou tiramisù, com um rótulo de stout ou porter. Esse estilo tem notas de café e chocolate que são acentuadas com a guloseima.

    Porém, a ótima gaúcha Tupiniquim foi além e criou uma linha que dispensa o "combo" com o doce. Tricampeã do campeonato brasileiro de cervejarias, realizado em Blumenau, a Tupiniquim adora combinar frutas e estilos em suas receitas, como a Poli Mango e a Saison de Caju. Desta vez, ela criou rótulos que valem sozinhos pela sobremesa.

    A primeira experiência veio com a Monjolo Floresta Negra, inspirada no bolo de chocolate com recheio de cereja que era modinha nos anos 1990. A cerveja nasceu a partir da premiada Monjolo Imperial Porter. Foram adicionados mais cacau e framboesa. A baunilha entrou na fórmula.

    Em 2017, veio a Pecan, imperial stout maturada com noz pecan. Maltes belgas acentuam o aroma da "torta de nozes".

    A imperial stout também é a base para duas "cervejas de coco". A primeira é a cerveja Manjar Negro, com 12% de teor alcoólico (melhor não repetir a sobremesa) na qual o malte torrado combina com o doce do coco. A brincadeira foi repetida, ou aperfeiçoada, na cerveja Manjar dos Deuses, com aroma de coco queimado.

    *

    MONJOLO FLORESTA NEGRA
    Apesar de uma boa dose de framboesa, além do cacau, foi necessário incluir favas de baunilha para chegar ao dulçor ideal.

    Teor alcoólico: 10%.
    Preço: R$ 29,99 (310 ml) em submarino.com.br

    *

    MANJAR DOS DEUSES
    Essa potente imperial stout ficou com aroma de coco queimado e menos dulçor que sua "irmã", Manjar Negro; ótima sugestão para encerrar a refeição

    Teor alcoólico: 12%.
    Preço: R$ 32,99 (310 ml) na Beer4u, tel. 3031-6599.

    *

    A coluna "Cervejas" é publicada aos domingos a cada 15 dias na revista sãopaulo

    sandro macedo

    Cervejas

    sandro macedo

    Jornalista, foi editor do 'F5', da 'Folha Corrida' e repórter de bares do 'Guia Folha'. Escreve aos domingos.

    Edição impressa

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2017