• Educação

    Wednesday, 22-Nov-2017 10:33:54 BRST

    USP reduz nota mínima exigida para estudante ingressar pelo Sisu

    DE SÃO PAULO

    16/12/2016 10h58

    Rogério Tomazela-5.jul.2016/Folhapress
    Vista aérea da raia olímpica da USP
    Vista aérea da raia olímpica da USP

    A Pró-Reitoria de Graduação da USP (Universidade de São Paulo) divulgou as notas mínimas exigidas e a quantidade de vagas para os cursos que reservaram vagas pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificado, que usa a nota do Enem ). Confira aqui.

    Este ano, não foi estabelecido um limite de chamadas e nenhum dos cursos exigiu 700 pontos como nota mínima. O curso de medicina em Ribeirão Preto, um dos mais concorridos da USP, estabeleceu 500 como nota mínima em todas as provas do Enem.

    Das 11.072 vagas disponíveis para ingresso em 2017, cerca de 21% ( 2.338) delas são pelo Sisu e as demais via Fuvest, responsável pelo processo seletivo da USP e da Santa Casa. As vagas são oferecidas para 150 cursos –só três unidades não entraram no sistema: Faculdade de Medicina, Escola de Engenharia de São Carlos e Instituto de Física.

    Como cada unidade decidiu quantas vagas colocariam no sistema, e por qual modalidade, a divisão dessas vagas é desigual entre os cursos e áreas. A área de humanas concentra 54% das vagas da USP no Sisu, seguido de exatas, com 26%. Cursos de biológicas respondem por 20% das vagas da USP no sistema.

    Das 2.338 vagas no Sisu, 1.155 são reservadas a alunos que tenham cursado o ensino médio integralmente em escolas públicas; 586 são para alunos da rede, mas que sejam pretos, pardos e indígenas. O restante, 597, podem ser disputadas por todos os candidatos do Enem (ampla concorrência).

    No vestibular 2016, a USP aderiu ao Sisu como forma alternativa de ingresso, mas em número menor –foram 1.489 vagas, mas apenas 814 foram preenchidas. Um dos motivos apontados para o baixo preenchimento das vagas foi a definição das notas mínimas para cada uma das provas do Enem –em alguns cursos, a nota mínima exigida era de 700 pontos.

    NOTA DE CORTE FUVEST

    A Fuvest divulgou na última terça (13) a nota de corte do vestibular para a segunda fase do processo seletivo 2017. Confira aqui a nota.

    A maior continua sendo a de medicina (69), empatada com medicina no campus de Ribeirão Preto. Em seguida estão engenharia aeronáutica de São Carlos (62) e psicologia (58).

    As 22 carreiras com nota de corte igual ou maior a 50 pontos tiveram queda em relação ao ano passado. Medicina caiu de 73 para 69, medicina - Ribeirão Preto foi de 72 para 69, engenharia aeronáutica - São Carlos foi de 67 para 62 e psicologia foi de 62 para 58.

    Serão convocados, segundo a instituição, 22.870 candidatos para a segunda fase –20.741 vestibulandos e 2.129 treineiros. A lista com os nomes dos selecionados será divulgada no dia 19 de dezembro. Já as provas da segunda fase serão em 8, 9 e 10 de janeiro e as provas de habilidade específica, entre os dias 11 e 13 de janeiro.

    Fuvest 2017

    Edição impressa

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2017