• Comida

    Sunday, 05-Dec-2021 19:33:17 -03

    Produtor francês gravará ostras com laser para evitar falsificações

    DA FRANCE-PRESSE

    10/10/2014 15h32

    Um prestigiado produtor francês de ostras gravará com laser as conchas de seus moluscos para evitar as falsificações, afirmando que as mesmas provocam 15% de queda de seu faturamento.

    Para enfrentar este fenômeno, a Gillardeau, uma empresa familiar centenária instalada na bacia de Marennes-Olerón (na costa sudoeste da França), investirá "entre € 4,5 e 5 milhões (R$ 13,7 e 15,2 milhões) em correntes de acondicionamento do marisco equipadas com um laser", indicou à AFP a gerente, Véronique Gillardeau.

    Lucas Ogasawara/Folhapress
    Porção de ostras in natura do bar O Catarina
    Porção de ostras in natura do bar O Catarina, em São Paulo

    "O dispositivo utilizado não marca muito profundamente as ostras, não as fere e resiste à água do mar", acrescentou.

    As operações de gravação das ostras começarão em três semanas.

    Este montante de investimentos inclui a construção de um edifício de 1.800 metros quadrados, no qual a temperatura será regulada para evitar as variações que afetam as ostras.

    Consideradas como as "Rolls" das ostras, as "especiais" de Gillardeau são vendidas em todo o mundo, e as primeiras falsificações foram apontadas antes que o fenômeno de utilização fraudulenta de nomes de produtos fosse detectado por toda parte.

    A empresa, que não divulga seu faturamento, nem seu nível de produção, tem uma centena de funcionários e 15 locais de produção.

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021