• Cotidiano

    Saturday, 04-Dec-2021 07:11:04 -03

    Prefeitura de SP vai restaurar fonte da praça Júlio de Mesquita, no centro

    DE SÃO PAULO

    08/08/2012 05h00

    A fonte monumental da praça Júlio de Mesquita, vizinha da chamada cracolândia, no centro de São Paulo, será restaurada. A obra deve começar nos próximos dias.

    Parquinho resiste há 43 anos e passa de avô para neto
    Aposentado ergue muro no meio de praça e irrita moradores

    Para isso, a praça, onde muitos usuários de drogas dormem e se abrigam, foi cercada ontem.

    A obra foi encomendada em 1913 à escultora campineira Nicolina Vaz de Assis Pinto do Couto para ser instalada na praça da Sé.

    Como houve muito atraso, a prefeitura desistiu de colocá-la na praça da Sé e acabou decidindo levá-la para a praça Vitória, na confluência entre a rua Barão de Limeira e a avenida São João.

    Rubens Cavallari/Folhapress
    Prefeitura de São Paulo cerca chafariz na praça Júlio de Mesquita para evitar usuários de crack
    Prefeitura de São Paulo cerca chafariz na praça Júlio de Mesquita para evitar usuários de crack

    Sendo assim, a obra somente foi inaugurada em 1927, justamente no ano em que a praça passou a se chamar Júlio de Mesquita.

    Na década de 1980, a fonte foi cercada com grades de ferro para, segundo a prefeitura, evitar sua depredação.

    Mas, a medida não impediu que a obra continuasse a ser pichada e destruída.

    Além disso, as grades dificultavam a limpeza e serviam como proteção aos moradores de rua que se abrigavam no local -as grades foram retiradas em 2004.

    Em 2010, a prefeitura contratou, por R$ 33 mil, o projeto de restauro da fonte, que é tombada pelo patrimônio histórico. Agora, ela contratou a Concrejato para fazer a obra, que tem a previsão de durar dez meses. O serviço custará R$ 412 mil.

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021