• Cotidiano

    Wednesday, 03-Mar-2021 02:03:13 -03

    'Fazia tudo a pé, agora tenho medo', diz namorada de estudante morto

    DE SÃO PAULO

    11/04/2013 18h57

    A namorada do universitário Victor Hugo Deppman, 19, morto na noite da última terça-feira (9) em um assalto na zona leste de São Paulo, disse que está com medo de sair na rua depois do crime. Ela participou hoje de um protesto promovida por alunos da Faculdade Cásper Líbero, onde o rapaz cursava rádio e TV.

    Alunos e professores da Cásper Líbero homenageiam jovem
    Polícia detém suspeito de matar universitário na zona leste
    Vídeo mostra momento em que ladrão aborda estudante
    'A vida dele valeu um celular', diz tia de jovem assassinado

    "Moro na rua de trás dele e está todo mundo assustado, com medo de sair na rua. Fazíamos tudo a pé, agora tenho medo", afirmou Isadora Dias, 19, se referindo a região do Belém, onde ocorreu o crime. O protesto foi realizado na avenida Paulista, na região central de São Paulo. A via chegou a ser bloqueada.

    "Essas manifestações precisam acontecer em nome do Victor porque ele não morreu em vão. Alguma coisa precisa mudar, precisamos de segurança e educação pra isso deixar de ser normal", acrescentou a jovem.

    Victor Hugo foi atingido por um tiro na cabeça durante um assalto na porta de casa. Ele chegou a ser levado para o pronto-socorro do Hospital Santa Virgínia, mas não resistiu. O criminoso roubou seu celular e fugiu em uma moto. O estudante cursava rádio e TV na Faculdade Cásper Líbero e era estagiário da RedeTV!.

    O corpo do universitário foi enterrado na tarde de quarta-feira no cemitério da Quarta Parada, também na zona leste de São Paulo. À noite, um adolescente de 17 anos foi detido sob suspeita de ter cometido o crime. Ele foi levado para a Fundação Casa. (ANA KREPP)

    Veja vídeo

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021