• Ilustrada

    Sunday, 20-Jan-2019 07:03:23 -02

    Morre ex-presidente da gravadora Capitol, que assinou com Beatles

    da France Presse, em Los Angeles

    14/03/2009 13h58

    O ex-presidente da gravadora Capitol, Alan Livingston, que havia incorporado os Beatles ao seu selo abrindo as portas para a "Beatlemania" nos Estados Unidos, morreu na Califórnia aos 91 anos, informou neste sábado o jornal "Los Angeles Times".

    12.jul.2001/Ted S. Warren/AP
    Alan Livingstone ao lado do palhaço Bozo, que foi uma criação sua
    Alan Livingstone ao lado do palhaço Bozo, que foi uma criação sua

    Livingston, também conhecido por ter criado o personagem "Bozo o palhaço" no final dos anos 1940, morreu de causas naturais em sua casa de Beverly Hills, em Los Angeles, declarou a neta à publicação.

    Livingston não acreditava inicialmente na possibilidade de um grupo inglês fazer sucesso nos Estados Unidos e hesitou antes de assinar um contrato em 1963 com os Beatles, que já eram populares no Reino Unido.

    Mas depois que a banda fez uma memorável participação em fevereiro de 1964 no programa de auditório "The Ed Sullivan Show", os Beatles se tornaram os ídolos da juventude norte-americana.

    Durante sua participação na Capitol, Livingston também assinou com os Beach Boys e contribuiu para relançar a carreira de Frank Sinatra, segundo o jornal.

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2019