• Ilustrada

    Sunday, 01-Aug-2021 16:45:58 -03

    Documentário 'Sacro Gra' vence Leão de Ouro em Veneza; veja os premiados

    RODRIGO SALEM
    ENVIADO ESPECIAL A VENEZA

    07/09/2013 14h49

    No primeiro ano em que o Festival de Veneza incluiu documentários entre seus filmes da mostra competitiva, o Leão de Ouro foi exatamente para um deles: o italiano "Sacro Gra", sobre a principal rodovia que circunda Roma, ganhou o prêmio principal do evento, entregue na noite deste sábado (7).

    A vitória do longa de Gianfranco Rosi foi uma surpresa. O filme foi um dos últimos a ser exibidos no festival e não entrou em nenhuma lista de favoritos para levar o Leão de Ouro. "Eu não esperava esse prêmio de maneira alguma. Dedico ele a meus personagens", discursou o cineasta depois de dar um forte abraço no presidente do júri, o também italiano Bernardo Bertolucci. "Sacro Gra" quebra um jejum de 15 anos sem um Leão de Ouro para uma produção local --o último foi "Assim é Que Se Ria" (1998).

    Ator revelação do Festival de Veneza não sabe quem é Marcello Mastroianni

    O grande favorito para o prêmio, o grego "Miss Violence", pelo menos foi lembrado em duas categorias de prestígio: melhor direção para Alexandros Avranas e ator para Themis Panou. O júri também manteve o olhar caseiro na categoria de melhor atriz, que ficou para Elena Cotta, de "Via Castellana Bandiera". O grande prêmio do júri ficou com o chinês "Stray Dogs", de Tsai Ming-Liang.

    Um dos momentos mais engraçados da noite foi quando a produtora de "Philomena" foi receber o prêmio de roteiro representando Steve Coogan e Jeff Pope, que estão no Festival de Toronto apresentando o filme. Toronto, na verdade, é o grande rival de Veneza pelos grandes filmes do segundo semestre e roubou parte da atenção da segunda semana do evento italiano.

    Veja abaixo a lista completa dos premiados.

    *

    Os vencedores do 70º Festival de Cinema de Veneza

    Mostra Competitiva Oficial

    Leão de Ouro: "Sacro Gra", de Gianfranco Rosi (Itália)
    Grande Prêmio do Júri: "Stray Dogs", de Tsai Ming-Liang (China)
    Leão de Prata de Direção: Alexandros Avranas, por "Miss Violence" (Grécia)
    Coppa Volpi de Melhor Ator: Themis Panou, por "Miss Violence"
    Coppa Volpi de Melhor Atriz: Elena Cotta, "Via Castellana Bandiera" (Itália)
    Prêmio Marcello Mastroianni de Revelação: Tye Sheridan, por "Joe" (EUA)
    Roteiro: Steve Coogan e Jeff Pope, por "Philomena" (Inglaterra)
    Prêmio especial do Júri: "Die Frau des Polizisten" (Alemanha)
    Prêmio Luigi de Laurentiis para filme de estreia: "White Shadow", de Noaz Deshe

    Mostra paralela Orizzonti

    Melhor filme: "Eastern Boys, de Robin Campillo
    Melhor Diretor: Uberto Pasolini, por "Still Life"
    Prêmio Especial do Júri: "Ruin", Michael Cody e Courtin Wilson
    Gran Prix: "Fish and Cat", de Sharam Mokri

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021