• Ilustrada

    Tuesday, 16-Aug-2022 11:07:56 -03

    Crítica: 'Uma Cilada para Roger Rabbit' faz uso inteligente da animação na TV

    INÁCIO ARAUJO
    CRÍTICO DA FOLHA

    25/03/2014 02h03

    De todas as conquistas da computação gráfica no cinema, "Uma Cilada para Roger Rabbit" (TBS muitodivertido, 19h45; 10 anos) continua a ser uma das mais interessantes. Em vez de inserir atores em cenários impossíveis, fazendo-os contracenar com robôs e similares, Robert Zemeckis, mais honestamente, colocou seus atores dentro de um desenho animado.

    Na trama, um detetive é encarregado de proteger o coelho Roger Rabbit, astro das animações. Essa mistura de mundos traz o infantil ao adulto e vice-versa, explorando tudo que a animação pode ter de delirante, ou antes, multiplicando esse poder pela abusiva intromissão dos cartuns no acanhadamente realista mundo dos humanos.

    A seu pendor para a aventura, o humor e o fantástico, Zemeckis acrescenta um gosto pelo burlesco no que tem de mais subversivo.

    Divulgação
    O ator Bob Hoskins, em cena do Filme "Uma Cilada para Roger Rabbit"
    O ator Bob Hoskins, em cena do Filme "Uma Cilada para Roger Rabbit"

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2022