• Ilustrada

    Sunday, 01-Aug-2021 17:34:23 -03

    Arquitetura transformadora no Brasil integra Bienal de Veneza

    DE SÃO PAULO

    29/03/2016 12h49

    O Pavilhão do Brasil na 15ª Bienal de Arquitetura de Veneza, que abre na cidade italiana no dia 25/5, vai apresentar a mostra "Juntos", que apresenta processos —alguns ainda não concluídos— de arquitetura, urbanismo, patrimônio cultural, publicações, ativismo e tecnologia social.

    Segundo Washington Fajardo, escolhido pela Fundação Bienal de São Paulo, responsável pela representação brasileira, para ser curador da mostra, "Juntos" é "uma composição (...) do processo do encontro do ativista, do lutador, com o arquiteto e com a arquitetura, tornando-se imanados pela elaboração do novo espaço".

    Entre os 15 projetos selecionados para integrar a mostra estão Escola Vidigal, que o artista plástico Vik Muniz idealizou no alto da favela da zona sul carioca, e a Casa da Vila Matilde, uma residência paulista que tinha problemas de estrutura e salubridade e que foi completamente repensada e refeita com poucos recursos.

    O tema da Bienal de Arquitetura de Veneza, dirigida pelo arquiteto chileno Alejandro Aravena é Reporting from the Front, que propõe discutir o papel dos arquitetos na luta para melhorar as condições de vida das pessoas.

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021