• Ilustrada

    Sunday, 21-Apr-2024 17:52:04 -03

    Confira eventos marcando 400 anos da morte de Shakespeare

    DE SÃO PAULO

    08/04/2016 16h59

    O mês de abril marca os 400 anos da morte de William Shakespeare (1564-1616), maior dramaturgo em língua inglesa de todos os tempos, considerado um dos pilares fundadores de seu idioma.

    Para marcar a data, comemorada em 23 de abril, a Folha prepara programação especial. No dia 14 (quinta), haverá um debate sobre o legado e a relevância do dramaturgo, com participação do apresentador Jô Soares, o diretor Gabriel Villela, experiente no teatro shakespeariano, e o ator britânico Greg Hicks, da Royal Shakespeare Company.

    O evento começa com Jô Soares fazendo uma leitura dramática de trechos de "Tróilo e Créssida", traduzida e adaptada por ele em parceria com o ator e dramaturgo Maurício Guilherme. A trama se passa durante a guerra de Troia e levanta questões sobre ética, honra e idealismo. A estreia do espetáculo será no segundo semestre deste ano, no Teatro do Sesi, em São Paulo.

    Hicks também fará uma leitura de trechos de "Macbeth", peça que ele dirige em São Paulo a partir de 20 de abril. O ator e diretor venceu o prêmio de interpretação do London Critics Circle em 2003 por sua performance do personagem título de "Coriolano".

    Villela dirigiu no ano passado "A Tempestade", considerado um dos melhores espetáculos de 2015, e já montou "Romeu e Julieta" com o Grupo Galpão no Shakespeare's Globe, em Londres. Um vídeo dessa apresentação histórica será exibido na ocasião.

    A mediação do debate será de Nelson de Sá, jornalista da Folha. Haverá tradução simultânea.

    O evento, em parceria com o British Council, acontece no auditório do Centro Brasileiro Britânico (r. Ferreira de Araújo, 741), das 18h30 às 21h. As entradas são gratuitas, e as vagas, limitadas.

    As inscrições podem ser feitas pelo telefone 0800-777-0360 ou pelo e-mail seminariosfolha@grupofolha.com.br

    POLÍTICA

    A Folha também realiza, na quarta-feira, 13, uma leitura dramática da peça "Ricardo 2º", que fala sobre as articulações para a derrubada de um governante.

    A direção da leitura ficará por conta de Marcio Aurelio, renomado encenador que fez uma montagem da peça nos anos 1990, na época do impeachment de Collor. O elenco inclui Leonardo Medeiros, Maria Fernanda Cândido, Débora Duboc, Paulo Marcello e Washington Luiz Gonzales.

    O evento terá início às 20h e será no auditório da Folha (al. Barão de Limeira, 425, nono andar). Também tem entrada gratuita, limitada à disponibilidade de lugares.

    As inscrições para a leitura podem ser feitas pelo site Folha Eventos.

    A programação especial inclui uma série de vídeos, com atores encenando trechos de Shakespeare, sob direção artística da atriz Mika Lins.

    Em 17 de abril, será publicado um caderno especial que, além de lembrar o trabalho do dramaturgo, vai discutir os 400 anos da morte de Miguel de Cervantes, autor maior da literatura espanhola, também morto em 1616.

    Edição impressa

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2024