• Mercado

    Sunday, 16-Jun-2019 09:38:02 -03

    Cerveja Estrella Galicia será produzida no Brasil

    DE SÃO PAULO

    21/12/2012 05h30

    Após montar uma base em São Paulo no primeiro semestre, a fabricante da cerveja espanhola Estrella Galicia divulgou que o plano de expansão da empresa passa por uma fábrica no Brasil para produzir a bebida aos seis países sul-americanos que já a comercializam.

    A informação foi divulgada pelo presidente da Hijos de Rivera, detentora da Estrella Galicia, Ignacio Rivera.

    Além do Brasil, a companhia vende hoje a cerveja -importada da Espanha- também na Argentina, no Uruguai, no Chile, na Colômbia e na Venezuela. No país, a Estrella Galicia está no segmento premium -que representa 5% do mercado de cerveja, mas cresce a taxas altas e tem margens de lucro maiores. Lideram o segmento Bohemia, Heineken, Budweiser e Stella Artois.

    Segundo Fábio Rodrigues, responsável pela operação brasileira, a Estrella Galicia vem tendo boa aceitação e, após seis meses, já está em supermercados da maior parte do país, do Rio Grande do Sul aos Estados do Nordeste -o número de funcionários do escritório paulistano subiu de 4 para 15 no período.

    "Nossa estratégia é passar bem longe dessa guerra por participação de mercado", diz Rodrigues, sem revelar números da filial brasileira."O mercado de cerveja no Brasil é grande, mas tem pouca marca. Há espaço ainda para muita gente."

    Além de produzir no Brasil, o que deve ocorrer até a Copa-2014, o plano de negócios prevê, a longo prazo, um bar para trabalhar a marca.

    A base brasileira é parte da estratégia de expansão iniciada há alguns anos, com a campanha institucional "Deberíamos Conocernos".

    Embora seja uma cervejaria centenária, a Estrella Galicia sempre foi muito identificada com La Coruña e os galegos -de cada 3 litros, 1 é vendido fora da Galícia.

    A Estrella é a terceira cerveja em volume de vendas no mercado espanhol.

    RETORNO

    Outro fabricante de bebidas que em breve vai aportar no Brasil é a Suntory Liquors, uma das maiores empresas do setor no Japão.

    A empresa anunciou que volta ao mercado brasileiro em janeiro de 2013, nove anos após deixá-lo por questões econômicas.

    Entre os produtos comercializados, estão uísques, licores e outras bebidas alcoólicas destiladas. (FÁBIO MAZZITELLI)

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2019