• Poder

    Sunday, 14-Jul-2024 01:06:03 -03

    o impeachment

    Protestos têm boneco gigante de Moro e pedidos de mais prisões

    DE SÃO PAULO

    16/08/2015 13h57

    Em faixas, coros e até com um boneco gigante, os manifestantes que protestam contra a presidente Dilma pelo país neste domingo (16) fazem diversas demonstrações de apoio ao juiz federal Sergio Moro, que comanda os processos relacionados à Operação Lava Jato.

    O juiz, que mandou prender executivos das maiores empreiteiras do país e políticos, foi lembrado também em máscaras e camisas. No Recife, pela manhã, um grupo levou para o ato um boneco gigante do magistrado, inspirado nos utilizados no Carnaval de Olinda. Uma faixa dizia: "Moro, não nos abandone".

    No Rio de Janeiro, onde a manifestação também começou pela manhã, integrantes do movimento "Vem Pra Rua" trouxeram uma faixa que dizia "Je suis Moro", em referência ao lema de apoio ao jornal francês Charlie Hebdo, alvo de um ataque no início do ano.

    Em São Paulo, o grupo "União Nacionalista Democrática", que prega intervenção militar, promoveu um coro em um carro de som que dizia: "Lula, cadê você? O Sergio Moro vai te prender". Em frente ao Masp, um manifestante trouxe um cartaz que dizia: "BNDES vem aí; cadeia neles, Moro". Uma outra faixa chamava a Lava Jato de "Operação Leva Rato".

    No calçadão da Barra, em Salvador, um grupo trouxe uma faixa com fotos de Moro, dos procuradores da República responsáveis pela Lava Jato, do procurador-geral Rodrigo Janot e do ex-presidente do Supremo Joaquim Barbosa. A peça dizia: "Patriotas".

    ABAIXO-ASSINADO

    Também há entre os manifestantes apoio a uma iniciativa do Ministério Público Federal para endurecer as penas de crimes relacionados à corrupção.

    Em São Paulo, o grupo "Vem Pra Rua" colhe assinaturas na avenida Paulista para o projeto, batizado de "Dez Medidas para Combater a Corrupção".

    O objetivo é coletar 1,5 milhão de assinaturas para levar as propostas ao Congresso.

    O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, vem fazendo palestras pelo país para divulgar o projeto. Entre as medidas, estão o aumento da pena mínima e a classificação da corrupção como crime hediondo.

    VÍDEOS: Assista às imagens das manifestações contra Dilma

    SÃO PAULO (SP)

    Assista

    [an error occurred while processing this directive]

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2024