• Poder

    Friday, 18-Oct-2019 22:56:58 -03

    operação lava jato

    PF diz que gravou Lula após decisão de encerrar escuta e responsabiliza Moro

    DIMMI AMORA
    AGUIRRE TALENTO
    LEANDRO COLON
    GABRIEL MASCARENHAS
    DE BRASÍLIA

    16/03/2016 23h26

    Em nota, a Polícia Federal admitiu que gravou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva conversando com a presidente Dilma Rousseff após a decisão do juiz Sérgio Moro de interromper a interceptação telefônica.

    A PF afirma que "a interrupção de interceptações telefônicas é realizada pelas próprias empresas de telefonia móvel". "Após o recebimento de notificação da decisão judicial, a PF imediatamente comunicou a companhia telefônica", diz a nota sem informar que horário isso ocorreu.

    Ainda de acordo com a PF, "até o cumprimento da decisão judicial pela companhia telefônica, foram interceptadas algumas ligações".

    A nota responsabiliza do uso dessas interceptações ao juiz do processo, Sergio Moro. "Encerrado efetivamente o sinal pela companhia, foi elaborado o respectivo relatório e encaminhado ao juízo competente, a quem cabe decidir sobre a sua utilização no processo".

    Procurado, Moro não quis se pronunciar sobre o caso.

    Edição impressa
    [an error occurred while processing this directive]

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2019