• Turismo

    Monday, 21-Jun-2021 16:39:37 -03

    Turismo e cerveja se misturam em Munique, capital da Baviera

    FRANCISCO JORDÃO
    EM MUNIQUE

    01/10/2015 02h00

    Sabe aquela imagem dos catálogos de agências de turismo com um alemão de rosto corado, em trajes típicos, segurando uma enorme caneca de cerveja?

    É um estereótipo alemão, mas muitas pessoas são vistas desse jeito mesmo na Oktoberfest, que acontece até domingo (4), em Munique, a capital do Estado da Baviera.

    A festa da cerveja, entretanto, é apenas uma das atrações da cidade. Em tempos de Oktoberfest ou não, entre um gole e outro, vale percorrer a Marienplatz, a praça central, o Parque Olímpico, os jardins de cerveja e as tradicionais cervejarias, além de conhecer o castelo de Nymphenburg, museus e pinacotecas.

    Ficar hospedado perto da Marienplatz facilita a vida. É o lugar de maior muvuca de Munique, mas também o mais bem servido de lojas, cafés, restaurantes e cervejarias.

    Dois dos prédios que mais aparecem em cartões postais estão bem ali: o edifício da prefeitura, com seu carrilhão de mais de 40 sinos e figuras de cobre, e a catedral de Nossa Senhora, uma igreja gótica com duas torres visíveis de boa parte da cidade. Ali também estão duas cervejarias obrigatórias: a Hofbräuhaus e a Augustiner Brau.

    Da Marienplatz, uma caminhada de 15 minutos leva à Hauptbahnhof, a lotada estação central de Munique. Bateu a dúvida sobre qual metrô pegar, qual a vantagem dos trens de superfície ou qual o pacote família mais em conta? Fique na fila de informações para turistas estrangeiros. Um atendente dará todas as dicas (em inglês) e você já sai com a passagem comprada.

    A estação também concentra uma infinidade de mercadinhos, casas de câmbio e cafeterias que ficam abertos até mais tarde. Se a fome apertar, tem sempre um lugar que vende um pretzel gigante e salgado, uma garrafa de cerveja ou um copo de café.

    Outro ícone do local é o Bayern, time sensação entre os jovens do mundo todo. Suas lojas de produtos oficiais (e caros) estão espalhadas por toda a parte.

    Se ainda estiver difícil suportar a traumática derrota do Brasil para a Alemanha, na Copa, por 7 a 1, pare em um Biergärten (espaços abertos e arborizados em que são servidas comidas e bebidas).

    Como dizem os alemães, não há espaço para tristezas quando se está em um "jardim de cerveja".

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021