• Equilíbrio e Saúde

    Saturday, 04-Dec-2021 07:42:33 -03

    Mulheres são 2/3 dos cegos no mundo; 80% dos casos podem ser evitados

    MARY PERSIA
    da Folha Online

    06/10/2009 10h02

    O mundo tem atualmente 45 milhões de pessoas cegas. E dois terços (30 milhões) são mulheres.

    Elas serão destaque nesta quinta-feira (8), Dia Mundial da Visão.

    Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), fatores socioeconômicos pesam muito nesse cenário. Em muitos países pobres, os homens têm duas vezes mais acesso a cuidados médicos para a visão do que as mulheres.

    Outros fatores, naturais, também determinam essa maioria. "Algumas doenças são mais frequentes em mulheres, como a catarata --uma das principais causas de cegueira no mundo", afirma Denise Fornazari, coordenadora do Núcleo de Prevenção à Cegueira da Unicamp. "Há ainda outros fatores, como a longevidade. Elas vivem alguns anos a mais do que os homens e há doenças que incidem em idades mais avançadas", completa a médica oftalmologista.

    Casos evitáveis

    Além das pessoas totalmente cegas, outras 269 milhões têm visão reduzida. E os habitantes de países pobres são obviamente os que mais sofrem. Cerca de 90% dos cegos estão nessas nações.

    Esse número vai ao encontro do percentual (80%) de casos que são evitáveis ou tratáveis. Quatro em cada cinco pessoas que hoje estão cegas poderiam não estar.

    A catarata --que pode ser corrigida com uma cirurgia-- é a maior causa de cegueira, diz a OMS. O glaucoma, se tratado cedo, pode ter o potencial de perda de visão bastante reduzido.
    "Há ainda o tracoma, uma doença típica de países subdesenvolvidos", afirma Denise. O problema é causado por uma bactéria e tem alto risco de contágio.

    Fale com a Redação - leitor@grupofolha.com.br

    Problemas no aplicativo? - novasplataformas@grupofolha.com.br

    Publicidade

    Folha de S.Paulo 2021